junho 12, 2008

A Menina

Dizem por aí que sinos imaginários tocam em volta da nossa cabeça quando conhecemos pessoas especiais, mas com a Menina não foi assim. Ela era esquisita e, como toda pessoa esquisita, ela agia e reagia de forma esquisita. Pois bem, embora fosse dia de festa e o salão estivesse todo decorado eabarrotado de gente, ela mesmo estando esquesitamente bonita, permanecia quietinha num canto simplismente porque era esquisita e pessoas esquisitas geralmente agem assim em festas, como se fossem um patinho feio de penetra no banquete dos cisnes. Tudo corria dentro do previsto e ela encenava seu papel de esquisita com toda a convicção do mundo. De repente, a coisa desandou. O Menino a olhou ali naquele canto com aquela cara de esquisita e com aquelas sardas esquesitas e esquesitamente gostou do que viu. Se aproximou dela devagarinho .Quando ela menos esperava, ele a pegou em pela mão e mais hora, menos hora ambos rodopiavam pelo salão. Entre assustada e eufórica, ela foi deixando cair a máscara de esquisita nos braços do Menino, que depois nem a achou tão esquesita assim. Sem que ela pudesse perceber seus lábios tocaram os lábios dele. Como era gostoso e esquesito aquele negócio de línguas e lábios. No dia seguinte, a cartela de Tylenol reluzia em cima da cabeceira, da Menina esquesita. Não se ouvia os tais sinos, nem chacoalhos, nada de violino ao fundo e nem sirene de ambulância dava sinal de alerta. Estava tão encantada com o Menino que só o fato de lembrar da sua existência já a deixava com dor de cabeça e com o estômago reviado. Ela era esquisita e, como toda pessoa esquisita, ela agia e reagia de forma esquisita. Onde já se viu passar dias e dias com dor de cabeça de felicidade?

Ps: Me basiei em um texto anônimo e sem título para escrever esse.

Ps2: Venho, agradecer à Vinicius Aguiar (http://pensamentos-e-realidades.blogspot.com/), pelos presentes que me foram dados. Fiquei muito feliz, e muito honrada. Mesmo. Em breve passarei esses presentes a diante.


















24 opiniões:

*Raíssa disse...

Aah eu adoro sardas, acho lindo! ^^
Todas as pessoas são esquisitas. Cada maluco com a sua mania, não é?
E cada pessoa manifesta sua felicidade de uma maneira; algumas mais excêntricas que outras, como a da Menina.
Beijos

Vinícius Aguiar disse...

Esquisito vc se sentir honrada com os selos, afinal, vc os mereceu!
hehehehehehehee
beijoooos!

Cadinho RoCo disse...

De esquisitice em esquisitice o que era dor de cabeça transforma-se em profunda satisfação.
Cadinho RoCo

Leandro BLuz disse...

Muito bom o teu blog, o layout tá show de bola !

Parabéns

E obrigado pela visita !

beijos

.a negra. disse...

Acho q é pq felicidade demais é tão raro..que dói em algumas pessoas!
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK


Ameeeeeeeeeeeeeeei a história!
;)
Beeiju

Mau Camus disse...

O gostoso é que de perto todos somos esquisitos. kkk
Pratiquei karaté durante anos, desde os 9 anos, pra ser mais preciso. Já fui d equipe baiana de karaté. Ou seja, temos a Clarice e o karaté como elos.
Qual a letra que vem depois do 't'? Quem sabe, adivinho seu nome. =)
Adorei o texto, baby.

Bjos

raai. disse...

éée :~~
sumo porque fui internada, passei mal, essas coisas :\\
ta tudo entrando nos eixos ainda, dai não ta dando pra postar sempre
mas sempre que dá venho aqui
aaaah, você viu?
Eu coloquei aquele seu texto, e creditei :D
;***
add msn?
raai._@hotmail.com

Idylla disse...

Oii...texto legal, gostei!!!
parabéns pelos selinhos...tb fui felizarda e ganhei de Vinicius hauhauhauha.....
e ai como foi o dia dos namoradossss??? rsrsrs

bjinhooo ;)

Idylla disse...

ah eu conheço sua cidade...ja fui em Piracicaba, tenho 2 tias q moram ai....ja fui a passeio, conheci ate guas d s pedro lindooo o lugarr....

bjj

Aninha disse...

- adoreei teu blog!

beijos

Amanda disse...

nossa adorei seu texto
muitoo interessante heheeh.. a forma como se conheceraaaam

ah acho q eli não eh pra mim msm o tanto que me faz sobre ;/

abraços

Amanda disse...

Como assim, tu vem hoje!? Oo

Claudia Bártholo disse...

Onde já se viu ter dor de cabeça de felicidade...
NORMAL heheheheh felicidade demais dá até dor.
:)
se achar o tal travesseiro me liga heim hahahah...
agradeço o recado, MARA.
digo o mesmo sobre você ser gente boa.
BEIJOSSS

Fala, Garoto! disse...

Que linda tu é!
Prazer!
Bj

Shelha disse...

eu não fico com dor de cabeça, mas eu também reago de um jeito meio esquisito... eu trato as pessoas com frieza...

Gostei do texto esquisito.
Putz, foi mal, eu andei meio passada com direito Penal (que vai me pegar esse fim de semestre)...

mas tô de volta!

Italo Lemos disse...

Ei, fantááááástico o seu texto viu!
Gostei muuuuuito!
Isso prova que a vida nos reserva coisas "esquisitas", e nos faz tomar atitudes esquisetas que não sabemos explicar por algum motivo esquisito!
Você escreve muito bem!
Mas não é esquisita! rs!
Bjão!

Nathália disse...

Esquisitices sempre faz tudo ficar tão mais interessante. :)
Muito bom esse texto!

Beijo!

Rui Caetano disse...

O imaginário enche-nos a alma e encaminha os nossos passos em frente...

Dayane disse...

Eu sempre fui essa menina esquisita,huhuhuhuhuhu.

Flora disse...

Uau, que blog bacana. S´´o pude ver agora. Antes de mais nada, gostaria de agradecer a visita que fez lá no meu blog e retribuir o comentário. Seu blog é bem moderno e com textos interessantes.
Posso colocar o link do seu blog lá no meu?
Até a próxima.
Beijos

Nanita disse...

no fundo todos temos um ponto esquesito. Mas que lindo a sua historiia flor :)

Kaka disse...

Olá, T!

Bom texto! Parabéns pelo blog!

E, obrigado pela visita!

Beijo

Ariana disse...

Cada um com a sua "esquisitisse"
Eu sou mto!rs


Beijo*

Carlos Howes disse...

E são dias esquisitos assim, que fazem essa vida tão normal valer a pena.

 

Blog Template by YummyLolly.com - Photoshop Brushes Obsidian Dawn